Fusão da capa de gelo na Gronelândia

A capa de gelo da Gronelândia, que nos últimos 30 anos regista um recuo cada vez mais rápido, é um exemplo de como os sistemas da Terra correm o risco de ultrapassar os limites do seu estado holocénico estável.

S. Zeff/Azote

S. Zeff/Azote

A capa de gelo da Gronelândia, que nos últimos 30 anos regista um recuo cada vez mais rápido, é um exemplo de como os sistemas da Terra correm o risco de ultrapassar os limites do seu estado holocénico estável. À medida que o planeta aquece, o gelo derrete e expõe à ação da luz solar superfícies mais vastas de água e terra, as quais, por sua vez, absorvem uma maior quantidade de calor solar, reforçando o processo de degelo. Receia-se que a fusão de toda a capa de gelo possa aumentar o nível do mar em vários metros em todo o mundo